Edições anteriores

  • A cultura e as línguas africanas e brasileiras em evidência
    v. 1 n. 1 (2021)

    O primeiro volume inaugura o desafio da valorização das culturas e das línguas dos povos africanos e do Brasil agregando pesquisas e trabalhos dos diversos pesquisadores, artistas, escritores, intérpretes, tradutores e outros interessados nas temáticas das seções da Revista Njinga & Sepé. Todos os esforços são realizados para que as línguas não oficiais e minorizadas tenham a oportunidade e que de alguma forma sejam línguas da ciência num futuro próximo, preservando assim a riqueza linguistica e cultural.

  • Diversidade da cultura, de línguas e das práticas socioculturais
    v. 1 n. 2 (2021)

    O volume 1, número 2, 2021 da Revista Njinga & Sepé publicou pesquisas e análises sobre a diversidade cultural, analisando a problemática do ensino de línguas, metodologias de ensino-aprendizagem, poesias, canções, resenhas e materiais da Língua de Sinais. Apresenta algumas práticas socioculturais de grupos étnicos africanos e brasileiras. Alguns textos são acompanhados de videos.A Revista Njinga & Sepé continua incentivando e valorizando as línguas minorizadas. 

  • A Literatura de Agostinho Neto e outras pesquisas culturais e linguísticas
    v. 1 n. Especial (2021)

    Este vol.1, Nº Especial de 2021 celebra a vida e obra do vovó Agostinho Neto e abre as celebrações do centésimo ano que se celebra em 2022. Agostinho Neto, mwangolê, médico, político e escritor  é imortalizado nesta revista por meio de artigos e poesias que reforçam a gradeza daquele que dirigiu a luta de libertação contra o colonialismo. Esta publicação foi organizada pelos Professores Eduardo David Ndombele e  Quibongue Mudiambo ambos mwagolês e docentes do Instituto Superior de Ciências de Educação do Uige (Angola) e coordenado por alexandre António Timbane, editor-chefe da Revista. VIVA O CENTENÁRIO AGOSTINHO NETO! VIVA O POVO ANGOLANO!