Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é ORIGINAL e INÉDITA, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  • Onde disponível, os URLs para as referências foram fornecidos.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.
  • O texto apresenta tradução dos títulos, de palavras-chave e de resumos em 2 línguas sendo uma, de origem africana ou indígena brasileira
  • O(a) autor(a) respeitou uma das normas (ABNT ou APA em versão mais recente) e declara que não há situações de plágio ou autoplágio.
  • No caso da Língua de Sinais: o vídeo está formato AVI ou WMV ou MP4. Tem no máximo 10 min. Tem resumo com 250 a 300 palavras, Arial, 12, espaçamento simples e as referências dos artigo. Se a Língua de Sinais tiver escrita pode utilizar.

Diretrizes para Autores

1.Condições técnicas:

a) Texto escrito em formato Microsoft Word (*.doc ou *docx).

b) URLs para as referências foram informadas quando possível.

c) Os textos das seções estarão formatados da seguinte forma: Arial, tamanho 12, espaçamento 1,5, a folha com 3cm na margem esquerda e 2cm nas restantes margens e não deve paginar.

Seção I - Artigos inéditos e traduções/interpretações: Deverão ter de 8 a 20 páginas, incluindo elementos pós-textuais (se houver).

Seção II - Entrevistas, resenhas de livros: Deverão ter de 3 a 8 páginas

Seção III - Poesias e Letras de canções populares: Deverão ter de 3 a 8 páginas

Seção IV - Relatos de experiências, fotos, receitas de comidas tradicionais, ritos e festividades: Deverão ter de 3 a 8 páginas

Seção V - Provérbios, tabus e mitos: Deverão ter de 3 a 8 páginas.

Seção VI - Línguas de sinais: Os autores deverão gravar um arquivo em formato AVI ou WMV ou MP4. Devem posicionar-se  no centro da tela para que sejam bem visíveis.  Prestem atenção com a luz para que o vídeo não fique escuro. Estrutura: A apresentação sinalizada do artigo terá de anunciar o título, a introdução, o desenvolvimento (fundamentação teórica, metodologia, análise) e as conclusões. O  vídeo deverá ser enviado acompanhado de um resumo em qualquer língua. Se a língua tiver a escrita poderá escrever o resumo nessa língua. Os resumos terão de 250 a 300 palavras, Arial, 12, espaçamento simples e as referências dos artigo. O texto escrito e o vídeo deverão ser enviados para o email geral da Revista:revista.njinga.sape@unilab.edu.br

d) Todas as citações e referências devem respeitar uma das normas: APA ou ABNT (versões atualizadas)

2.Formatação do artigo a submeter para avaliação

a) Elementos pré-textuais:

O título (Só a primeira letra maiúscula), resumo (de 200 a 300 palavras) e de 3 a 5 palavras-chave na língua do texto.

Tradução: O título, resumo e de 3 a 5 palavras-chave traduzido na língua estrangeira.

Tradução: O título, resumo e de 3 a 5 palavras-chave traduzido numa língua africana ou indígena brasileira.

O resumo (de 200 a 300 palavras) deverá apresentar o objeto/o assunto/o tema, o problema, as hipóteses, os objetivos, a metodologia e as principais conclusões. Todos os resumos serão formatados com espaçamento simples. Os nomes dos autores, a filiação institucional e os emails serão escritos nos “Metadados” do formulário da submissão.

 b) Elementos textuais:

Introdução ou Considerações iniciais (Situa o leitor dando o panorama geral; Oferece uma visão global do estudo; Esclarece, delimita a abordagem do assunto; Apresenta objetivos (gerais e específicos); Apresenta a justificativa e a relevância da pesquisa; Destaca a metodologia; Apresenta a estrutura do artigo.

Seções e subseções do texto (se houver): definição de conceitos, debates, fundamentação de ideias, etc.

Metodologia, apresentação, análises e discussão dos dados.

Conclusões ou Considerações finais: são apresentadas as descobertas da pesquisa, responde-se a pergunta de partida confirmando ou refutando hipóteses; há amarração de ideias e verificação do cumprimento dos objetivos. Evita-se trazer novas ideias.

c) Elementos pós-textuais: Referências (Escolhe uma só norma: APA ou ABNT). A escolha das duas normas se justifica pelo fato de ser uma Revista Internacional e também pelo fato destas duas normas ser de maior circulação no Brasil e na África.Anexos e apêndices (se houver/opcionais)

3.Estrutura interna do texto

a) Ilustrações: figuras, gráficos, quadros e tabelas devem ter título e indicação de sua fonte. Quando tiverem sido produzidas pelo próprio autor, deverá constar “Fonte: elaboração própria”. A fonte deve estar posicionada abaixo da ilustração.

b) Notas: notas explicativas devem ser evitadas e se utilizadas devem aparecer como nota de rodapé ao longo do texto.
c) Todas as palavras e expressões que não fazem parte da língua do artigo devem estar em itálico.
d) Os títulos das seções e subseções devem ser numerados com numeração arábica, em negrito e com a primeira letra em maiúscula.
e) No texto, a designação de títulos de obras deve vir em aspas duplas, com maiúscula apenas no início, exceto em casos de nomes próprios.

Tradução/Interpretação

Tradução: O título na língua 2, palavras-chave e resumo (200 a 300 palavras).

Tradução: Título na língua 3, palavras-chave e resumo. Esta tradução deve ser numa língua africana ou indígena brasileira.

 Ilustrações: figuras, gráficos, quadros e tabelas devem ter título e indicação de sua fonte. Quando tiverem sido produzidas pelo próprio autor, deverá constar “Fonte: elaboração própria”. A fonte deve estar posicionada abaixo da ilustração.

As Referências  finais

Cada autor deverá escolher qual a norma a usar. Ao escolher, deverá seguir rigidamente as regras dessa norma escolhida. Pode ser APA (American Psychological Association (APA) – 6ª edição) ou ABNT  respeitando as últimas atualizações de cada norma.

Sobre as línguas de sinais

Os autores deverão gravar um arquivo em formato AVI ou WMV ou MP4. Devem posicionar-se  no centro da tela para que sejam bem visíveis.  Prestem atenção com a luz para que o vídeo não fique escuro.

Estrutura: A apresentação sinalizada do artigo terá de anunciar o título, a introdução, o desenvolvimento (fundamentação teórica, metodologia, análise) e as conclusões.

O  vídeo deverá ser enviado acompanhado de um resumo em qualquer língua. Se a língua de sinais tiver a escrita padronizada,   o(a) autor(a) poderá escrever o resumo nessa língua. Os resumos terão de 250 a 300 palavras, Arial, 12, espaçamento simples e as referências seguindo APA ou ABNT.

Seção I - Artigos inéditos e traduções/interpretações

As línguas oficiais da Revista NJINGA&SAPÊ: Revista Internacional de Culturas, Línguas Africanas e Brasileiras são todas as línguas africanas e línguas indígenas brasileiras. Este é um exercício para a "intelectualização linguística" das línguas autóctones buscando a promoção, proteção e divulgação das mesmas. 

Avaliação pelos Pares

Todos os textos submetidos a Revista NJINGA&SAPÊ: Revista Internacional de Culturas, Línguas Africanas e Brasileiras serão avaliados numa primeira fase pelo editor por forma a conferir se reúnem as condições básicas. Avalia-se a formatação; normas ABNT ou APA; as indicações de título e fonte em figuras, imagens, quadros e respectivas fontes. A Revista exige 3 resumos sendo o primeiro na língua do artigo, o segundo numa das línguas europeias (inglês, francês, espanhol ou português) e o último resumo numa língua africana ou indígena brasileira. O editor avalia o número de páginas; faz triagem preliminar quanto a cientificidade, clareza, inovação e ineditismo (verificação do plágio). Quando aprovados, os textos serão enviados aos avaliadores (avaliação por pares, o double blind peer review). Poderá ser convidado um(a) terceiro(a) avaliador(a) em caso de empate.

Os avaliadores analisam a adequação do título ao conteúdo; estrutura interna do artigo; clareza e pertinência dos objetivos; metodologia consistente que suporte as análises propostas; resultados e discussão que tragam contribuição científica – abordagem inovadora, visão crítica, reflexiva ou criativa, oferecendo avanço para o conhecimento; citações e referências adequadas às normas técnicas adotadas pela revista; e pertinência à linha editorial da publicação.

Após a aprovação os textos serão alinhados para a editoração e o seguimento dos tramites legais para a publicação. Os autores serão informados sobre o resultado aceitos e recusados. Será emitida uma declaração para os textos aprovados. No caso dos textos produzidos por autores convidados, o peer review será realizado pelos membros da Editoria Executiva  da revista.

Os avaliadores preenchem o formulário padrão com opções já determinadas, no qual existe um campo aberto para a justificativa da decisão final aceitando, recusando ou recomendando correções e/ou adequações necessárias aos artigos. No caso de solicitação de alterações, o artigo pode ser reencaminhado para nova avaliação. Alterações ortográficas e gramaticais na língua do artigo, bem como resumos e títulos em língua inglesa e espanhola serão de inteira responsabilidade dos autores. Não são admitidos acréscimos ou modificações após aprovação da revisão final. Os autores receberão uma Carta de Aceite com informações com a data provável da divulgação. Os avaliadores também receberão um certificado de participação da atividade. As traduções/interpretações deverão passar pela avaliação dos tradutores.

Seção II - Entrevistas, resenhas de livros

Trata-se entrevistas que deverão ser feitas numa das línguas oficiais da Revista NJINGA&SAPÊ: Revista Internacional de Culturas, Línguas Africanas e Brasileiras e deverão ter de 4 a 8 páginas, Arial, 12. As resenhas de livros devem respeitar o mesmo procedimento.

Seção III - Poesias e Letras de canções populares

Deverão ter de 4 a 8 páginas

Seção IV - Relatos de Experiências, Fotos, Receitas de comidas tradicionais, rit

Deverão ter de 4 a 8 páginas

Seção V - Provérbios, Tabus e Mitos

Deverão ter de 4 a 8 páginas.

Seção VI -Línguas de Sinais

Os autores de qualquer Língua de Sinais nos espaços africano, brasileiro e timorense podem enviar os seus textos/resumo de 200 a 300 palavras e de 3 a 5 palavras-chave. O vídeo  em formato AVI, WMV, MP4 deverá ter no máximo 10 minutos.

Política de Privacidade

Na NJINGA&SEPÉ: Revista Internacional de Culturas, Línguas Africanas e Brasileiras os nomes e endereços informados  serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.