A produção de questionários de pesquisa como gênero acadêmico

  • Maria Aparecida Da Costa UFRN
  • Ana Maria de Oliveira Paz

Resumo

O artigo consiste em um relato de experiência que apresenta e descreve as principais discussões emanadas do minicurso Produzindo questionários de pesquisa: da técnica instrumental ao gênero acadêmico, ministrado a estudantes do Curso de Letras/Espanhol durante um evento promovido pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) no segundo semestre de 2018. No referido minicurso, discutimos o questionário de pesquisa na condição de gênero acadêmico, tendo em vista a sua franca utilização como artefato-chave na realização de pesquisas aventadas nas Ciências Humanas, em particular nos cursos de licenciatura. Assim, tendo como foco a prática de escrita reflexiva, privilegiamos o que diz a literatura sobre o tema a partir de variadas vertentes, bem como a análise e a produção de questionários, considerando os aspectos linguísticos, retórico-discursivos e pragmáticos do gênero. O escopo teórico adotado pauta-se nos estudos de gêneros da Sociorretórica (BAZERMAN, 2005; MILLER, 2012; BHATIA, 1997) e nos conceitos advindos da Metodologia Científica e de outras áreas que se interessam por compreender e examinar o questionário de pesquisa (DÖRNYEI, 2003; VIEIRA, 2009; RICHARDSON, 2009; COSTA; 2014), dentre outros aportes. Os resultados sugerem a relevância, no âmbito do letramento acadêmico, de se promover o conhecimento sobre os gêneros de texto a partir de seus enquadres conceituais, aliado à análise, à produção escrita e à prática da reescritura, favorecendo a aprendizagem e a apropriação dos gêneros em uma perspectiva notadamente qualitativa.

Referências

BAZERMAN, Charles. Gêneros textuais, tipificação e interação. Angela Paiva Dionísio, Judith Chambliss Hoffnagel (Org.). São Paulo: Cortez, 2005.
BHATIA, Vijay K. Análise de gêneros hoje. Trad. Benedito Gomes Bezerra. Revista de Letras, n. 23, vol. 1/2, jan./dez., p. 102-115, 2001.
CHAER, Galdino; DINIZ, Rafael Rosa Pereira; RIBEIRO, Elisa Antônia. A técnica do questionário na pesquisa educacional. Evidência, Araxá, v. 7, n. 7, p. 251-266, 2011.
COSTA, Maria Aparecida da. O gênero questionário de pesquisa do/no IBGE: produção, usos e implicações. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada). Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, UFRN, Natal/RN, em desenvolvimento.
COSTA, Maria Aparecida da; PAZ, Ana Maria de Oliveira. Um olhar sobre os questionários de pesquisa virtuais: gênero e ensino. In: SIMPÓSIO NACIONAL DE LITERATURA, LINGUÍSTICA E ENSINO (2, 2016, Mossoró, RN, 23 a 25 de novembro). Anais... Organizadores Ana Maria de Carvalho, Moisés Batista da Silva. Mossoró, RN: Edições UERN, 2016. pp. 470-482.
COSTA, Sérgio Roberto. Dicionário de gêneros textuais. 3. ed. rev. ampl. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2014.
DÖRNYEI, Zoltán. Questionnaires in second language research: construction, administration, and processing. [s.l.]: Lawrence Erlbaum Associates, 2003.
HOUAISS, Antonio; VILLAR, M. de Salles. Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001.
MACHADO, Anna Rachel; BRITO, Célia. O agir linguageiro em questionário de pesquisa. In: MACHADO, Anna Rachel et al. (Org.). Linguagem e educação: o trabalho do professor em uma nova perspectiva. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2009. pp. 137-160.
MILLER, Carolyn. Gênero textual, agência e tecnologia. Angela Paiva Dionísio, Judith Chambliss Hoffnagel (Org.). São Paulo: Parábola Editorial, 2012.
RICHARDSON, Roberto Jarry. Pesquisa social: métodos e técnicas. Colab. José Augusto de Souza Peres et al. 3. ed. 10. reimpr. São Paulo: Atlas, 2009.
SILVA, Antônio João Hocayen da. Metodologia da pesquisa: conceitos gerais. Paraná: Unicentro, s.d. Disponível em: . Acesso em: 06 ago. 2018.
SOUZA, Micheli Gomes de; BASSETTO, Lívia M. Turra. Os processos de apropriação de gêneros acadêmicos (escritos) por graduandos em Letras e as possíveis implicações para a formação de professores/pesquisadores. RBLA, Belo Horizonte, v. 14, n. 1, p. 83-110, 2014.
VIEIRA, Sonia. Como elaborar questionários. São Paulo: Atlas, 2009.
XAVIER, Alice Pereira. Uma visão antropológica da aplicação de questionários na pesquisa em educação. Educar em Revista, Curitiba, Brasil: Editora UFPR, n. 44, abr./jun., p. 293-307, 2012.
Publicado
2019-07-24
Como Citar
DA COSTA, Maria Aparecida; PAZ, Ana Maria de Oliveira. A produção de questionários de pesquisa como gênero acadêmico. Mandinga - Revista de Estudos Linguísticos, [S.l.], v. 3, n. 1, p. 106-127, july 2019. ISSN 2526-3455. Disponível em: <http://revistas.unilab.edu.br/index.php/mandinga/article/view/243>. Acesso em: 18 oct. 2019.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##